Player da Rádio

Pesquisar este blog

Tocando na Rádio

segunda-feira, 6 de outubro de 2014

Mitzvot do dia Ler o SHEMÁ DIARIAMENTE [KERIAT SHEMÁ] duas vezes


Vamos iniciar mais um comentário (com a ajuda dos céus) das 613 Mitzvot  de Hacadosh Baruch Hu, sendo esta Mitzvot de número 10 positiva do tipo faça, onde Hashem nos ordena ler e recitar o SHEMÁ diariamente, sempre pela manhã e à noite antes de dormir.

A prática deste mandamento se seguido diariamente, trará muitos benefícios espirituais
individuais a cada adorador sincero do Eterno Bendito seja o seu nome, pois a Luz do Eterno contigo habitará.
A fonte deste maravilhoso mandamento encontra-se no livro de Devarim 6:7 que nos diz:
"E dela falarás sentado em tua casa, andando pelo caminho, e ao deitar-te e ao levantar-te".

Explicações práticas desta miztvá (mandamento da Torá) estão explicados no tratado Berachót e no
Shulkhan Arukh
, no qual etá demonstrando que a leitura do Shemá [de manhã e à noite] foi ordenada por Hashem em sua Torá!

O Shemá é uma afirmação de nossa fé e confiança no D’us único e verdadeiro a quem devemos todas as bênçãos recebidas, desde o momento de nosso despertar, ao deitar, bem como nos momentos finais de nossa vida.

A leitura do Shemá como já expliquei é um mandamento positivo de número 10 da Torá que deve ser cumprido duas vezes ao dia: pela manhã na prece de Shacharit e após o anoitecer na prece de Arvit. Uma vez que o Shemá da manhã deve ser lido no primeiro quarto do dia, é aconselhável lê-lo logo após as Bênçãos Matinais,  antes da prece de Shacharit para não atrasar este horário (e durante a prece de Shacharit, o Shemá será lido novamente na seqüência normal da prece).

O Shemá é composto de três trechos da Torá (Devarim. 6:4-9; Devarim 11:13-21; e Bamidbar 15:37-41) que devem ser lidos  cuidadosamente e sem interrupção, seja por palavras, seja por gestos.

Para demonstrar reverência e temor a Hashem [Nosso Criador] Cobrem-se os olhos com a mão direita ao recitar o primeiro versículo do Shemá para maior concentração. Ao pronunciar o nome de D’us ("A-do-nai"), deve-se ter em mente que Ele é Eterno, existe, existiu e existirá.

Moshê, o nosso Mestre da Torá de abençoada memória, explica o significado de Pronunciarmos o SHEMÁ DIARIAMENTE na Parashat Vaetchanan.

Moshê explicou em detalhes o primeiro mandamento: "Crê em D’us." Disse ele:" Shemá Yisrael, Hashem E-lo-kê-nu, Hashem Echad", "Ouve, Israel, O Eterno é nosso D’us, O Eterno é Um."
Ao pronunciarmos este versículo, aceitamos o domínio de D’us.

No passado, as nações não conseguiam acreditar que havia um só D’us, também hoje o quadro não mudou pois seguimentos religiosos fundados após o primeiro século tem usurpado os escritos sagrados e apresentado dogmas de um deus trino ou um deus filho.
Alguns pensavam (e ainda pensam) que havia duas (ou mais) divindades: uma boa e outra má. Infelizmente muitas nações não acreditam num único D’us. Atualmente no Oriente há ainda povos que adoram ídolos.

No mundo ocidental muitas pessoas acreditam em D’us. (Ao mesmo tempo, entretanto, curvam-se a imagens e adoram um homem como deus.) E algumas pessoas "esclarecidas" não acreditam de todo na existência de D’us. Moshê ensinou a verdade a Benê Yisrael.
O mundo e o universo é governado por um único D’us O Sagrado Bendito Seja Ele.

Nossos sábios ordenaram que cada judeu proclamasse sua crença, recitando o versículo "Shemá Yisrael" duas vezes ao dia, pela manhã e à noite.

Se você olhar o versículo de Shemá num Sêfer Torá ou num Chumash, verá que duas letras desta frase têm o tamanho maior. São elas: áyin e dalet. (O áyin, a letra final da palavra Shemá e o dalet, no final da palavra echad).
Estas duas letras formam a palavra "testemunha". D’us disse: "Vocês, o povo judeu, são testemunhas de que sou um.
Na Outorga da Torá, vocês viram claramente que sou o único D’us."

Devemos por em mente e em prática o dever de todo e cada judeu ensinar o "Shemá" a seus filhos, em todas as gerações, sem esquecer a obrigação de amar e ensinar também a cada irmão judeu, por mais distante que se encontre hoje.  Deverá fazê-lo escutar e se aproximar.

E esse foi o comentário da mitzvot do dia, sendo esta a de número 10 onde tratamos sobre LER O SHEMÁ DIARIAMENTE [KERIAT SHEMÁ], SHALOM E ATÉ A PRÓXIMA e SHALOM A TODOS!
Bibliografia
   - Sefer Hamitsvot do Rambam - Editora Sefer;
   - pt.chabad.org.


Nenhum comentário:

Postar um comentário